Você está aqui Angola Politica  

Radio Ecclesia

Líder do maior partido na oposição recebido pelo Presidente da República

Terça, 16 Abril 2019  vanda de carvalho

E esta foi a terceira audiência que o Presidente da República, João Lourenço concedeu o líder da UNITA, Isaías Samakuva.

Mas uma vez a Rádio Despertar e a Ecclesia foram impedidas de fazer a cobertura do respectivo encontro, os Jornalistas tiveram de se deslocar até à presidência do Galo Negro, na Maianga.

Isaías Samakuva disse que as autarquias locais, as cerimónias fúnebres do líder fundador, Jonas Malheiro Savimbi e o 13º Congresso Ordinário da UNITA que se realiza entre Novembro e Dezembro, são as principais tarefas para 2019.

Congresso que tem sido motivo de debate entre os prós e os conta a permanência de Isaías Samakuva a frente dos destinos da UNITA.

O líder do Galo Negro, prometeu durante a campanha eleitoral de 2017, que quer ganhasse ou perdesse as eleições, deixaria a presidência do partido. Mas em 2018, durante a III reunião da Comissão Política, Samakuva 169 militantes da UNITA votaram a favor da sua permanência no poder, contra 24 partidários que já não o queriam.

Nesta segunda-feira, questionado sobre o assunto, o Presidente da UNITA, respondeu.

“ Eu penso que a interesse de transformar uma coisa simples num problema que não é”

Apesar da insistência da Emissora Católica de Angola, Isaías Samakuva não disse se vai ou não se recandidatar no congresso que decorre entre Novembro e Dezembro deste ano.

“ existe o que querem que Samakuva continua e os que não querem eu já falei até publicamente sobre isso”.

O presidente da UNITA, Isaías Samakuva que falava na Maianga minutos depois ter deixado o Palácio da Alta, na sequencia da audiência que lhe concedida pelo chefe de Estado, João Lourenço.

Durante o encontro Samakuva transmitiu ao chefe de Estado João Lourenço, as preocupações das províncias do Kuando Kubango, Lunda-Sul e Lunda-Norte, com realce para a realidade social daquele povo e o mau estado das estradas.