Você está aqui Desporto Nacional  

Meninas do andebol homenageadas pelo MINFAMU

Quarta, 14 Dezembro 2016  vanda de carvalho

Ao falar durante a homenagem do Minist√©rio da Mulher ao ‚Äúsete nacional‚ÄĚ, Filomena Delgado disse que mais uma vez o desporto nacional e o andebol feminino colocaram o nome de Angola ao mais alto n√≠vel, constituindo um motivo de orgulho para todas as fam√≠lia e as mulheres em particular.

"Vale a pena ser mulher e vale a pena lutar pela igualdade do g√©nero. Temos consci√™ncia que a n√≠vel do desporto precisamos dar mais aten√ß√£o ao desporto feminino, atrav√©s do √≥rg√£o competente, por isso juntamos hoje aqui as meninas para homenagear de forma muito singela e simples‚ÄĚ, disse.

Aproveitou a ocasi√£o, para agradecer em nome de todas as mulheres e fam√≠lias o sacrifico que as mesmas tiveram par conseguir alcan√ßar tal feito. 

‚ÄúSinto-me feliz, muitas das jogadoras tem idade das nossas filhas. Aprendi a gostar do andebol por causa delas. Antes a minha modalidade eleita era o basquetebol‚ÄĚ,  frisou.

‚ÄúA n√≠vel de √Āfrica estamos em boa posi√ß√£o, elas mostraram ser valentes, sacrificaram-se durante prepara√ß√£o para recuperar o t√≠tulo de forma invicta e no √ļltimo jogo foi um espect√°culo. Que elas continuem unidas, primando pela compet√™ncia e suas habilidades, de modo a desfilarem este charme todo em outros palcos", concluiu.

As jogadoras receberam um diploma de mérito e uma lembrança de natal, além da foto de família para posterioridade.

Para conquistar o 12¬ļ t√≠tulo, as anfitri√£s derrotaram a Cot√™ d'Ivoire (37-18), Senegal (31-18) Camar√Ķes (30-14), RDC (38-19), Arg√©lia (42-18) e Tun√≠sia (36-17).