Você está aqui Mundo Africa  

Quatro militares da ONU foram abatidos na RCA

Quarta, 17 Maio 2017  vanda de carvalho

Quatro capacetes azuis morreram no sudeste da República Centro-Africana, num ataque à caravana onde seguiam, indicou a Missão das Nações Unidas no país (MINUSCA).

A MINUSCA lamentou a morte de quatro soldados cambojanos num ataque à caravana em que seguiam, à qual se somaram oito feridos. A caravana foi atacada por elementos armados.

Recorde-se que a República Centro-Africana mergulhou no caos em 2013 quando rebeldes muçulmanos derrubaram o Presidente cristão do país.

As Nações Unidas lançaram uma missão de paz para o país em 2014, que tem agora mais de 12.000 homens para proteger os civis da violência entre muçulmanos e cristãos.

Cerca de 890.000 foram obrigados a abandonar as suas casas, alguns dos quais fugiram para o vizinho Camarões, segundo as Nações Unidas.