Você está aqui Angola Politica  

Novo código penal angolano ainda contém pontos que suscitam discussão

Quarta, 15 Março 2017  vanda de carvalho

A Lei do Aborto que se julgava um assunto encerrado após pronunciamentos do ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Rui Mangueira, vai continuar a merecer a atenção da Assembleia Nacional.

No mais recente pronunciamento sobre o assunto, o presidente do grupo parlamentar do MPLA, Virgílio de Fontes Pereira, disse que o assunto não está esgotado, e vai continuar a merecer atenção do legislador.

Recordamos que Rui Mangueira havia dito que se devia olhar para o código penal como tendo uma proibição absoluta relativamente ao aborto.

Escute: Repórter Salgueiro Vicente- Novo código penal angolano ainda contém pontos que suscitam discussão