Você está aqui Angola Sociedade  

Pena Máxima na condenação do caso” Kota do Bisno”

Quarta, 15 Março 2017  vanda de carvalho

O tribunal provincial de Luanda condenou nesta terça-feira, a pena única de 24 anos de prisão maior o réu Nataniel Mingas considerado mandante do crime que em 2015, vitimou 4 cidadãos chineses, após terem sido espancados e jogados num tanque de água e ateados fogo.

O tribunal condenou ainda os restantes co-réus, do conhecido caso “KOTA DO BISNO”, com penas que vão de 23 anos de prisão maior a 1 ano e meio de pena única e absolveu 2 réus, dos 13 em julgamento, uma vez que os restantes 3 foram considerados réus prófugos, por se encontrarem foragidos.

Os crimes de homicídio qualificado, rapto, ocultação de cadáveres, roubo qualificado e burla por defraudação constantes da dota acusação do ministério público foram confirmados nas respostas aos quesitos igualmente apresentadas nesta sessão.

Escute: Repórter Silvano da Silva - Pena Máxima na condenação do caso” Kota do Bisno”