Você está aqui Religiosa Dominical  

Dom Zeca celebra primeira missa no Huambo e pede aos fiéis fé e oração

Domingo, 16 Dezembro 2018  vanda de carvalho

Neste IIIº Domingo do advento, Dom Zeferino Zeca Martins celebrou a sua 1ª missa como arcebispo do Huambo.

A celebração eucarística aconteceu na praça São João Paulo II, e foi presidida pelo novo Arcebispo Dom Zeferino Zeca Martins, concelebrada pelo Núncio Apostólico, Dom Petar Rajic, pelo Arcebispo emérito do Huambo Dom Alves de Queirós e por todos os bispos da Conferencia Episcopal de Angola e São Tomé.

Na sua intervenção Dom Zeferino Zeca Martins homenageou seus antecessores já falecidos e vivos pelo serviço prestado à missão daquela igreja particular.

Considerando-se pequeno para a missão incumbida por Deus Dom Zeca pediu aos fiéis do Huambo a ajudá-lo a ser bom bispo ao serviço da missão em obediência a Deus e ao Papa Francisco.

Escute: Homilia Dom Zeferino Zeca Martins Arcebispo do Huambo – Primeira missa no Huambo

Dom Zeferino é o sexto Arcebispo do Huambo, depois da fundação da diocese, a 4 de Setembro de 1970.

O primeiro Arcebispo foi Dom Daniel Gomes Junqueira (1940-1970)

Dom Américo Henriques, (1972 - 1975)

Dom Manuel Franklin da Costa, (1975-1986)

Dom Francisco Viti, (1986-2003)

Dom José de Queirós Alves (2003 – 2018).

A diocese do Huambo, que tem como padroeira, Nossa Senhora Imaculada da Conceição, foi fundada a 4 de Setembro de 1940, tendo passado a arquidiocese a 3 de Fevereiro de 1977. Conta com 22 paróquias e 26 missões, com vários centros missionários.

A arquidiocese metropolitana do Huambo conta 100 padres diocesanos, perto de 120 padres da congregação de religiosos e quase 200 religiosos e religiosas não sacerdotes.

Dados biográficos do novo arcebispo

Nascido em Cacolo, província da Lunda Sul, a 08 de Março de 1966, Dom Zeferino Zeca Martins, filho de Francisco Funete Martins e de Rita Macuiza, frequentou a escola primária em Cacolo e a secundária em Saurimo.

Entre 1988 a 1995, esteve na Sociedade do Verbo Divino, onde fez os estudos de Filosofia no Seminário Maior de Luanda e os estudos teológicos na Faculdade de Teologia da Universidade de Comidias, em Espanha, onde também conseguiu a licenciatura em Direito Civil.

A 01 de Outubro de 1994, fez a sua profissão perpétua na congregação de Verbo Divino e, a 06 de Agosto de 1995, foi ordenado sacerdote. Tendo de 1995 a 2000 trabalhado como missionário na Espanha, concretamente como Capelão dos emigrantes africanos na Arquidiocese de Madrid, ao mesmo tempo que era Reitor da Comunidade dos Alunos de Teologia e Superior Religioso dos Missionários do Verbo Divino em Madrid.

Em 2000 foi designado reitor da casa central da congregação do Verbo Divino, em Luanda, sendo, em 2007, nomeado a vice superior provincial da Congregação e, posteriormente, superior provincial.

Dom Zeferino Zeca Martins foi ordenado bispo auxiliar de Luanda a 12 de Agosto de 2012, cargo que exerceu até ao dia 01 de Outubro deste ano. É, actualmente, professor de direito da Universidade Católica de Angola.