Você está aqui Religiosa Paróquia  

Fiéis em Ndalatando satisfeitos com a nova Paróquia Nossa Senhora Rainha da Paz

Terça, 14 Fevereiro 2017  vanda de carvalho

A Diocese Ndalatando conta a partir deste domingo, 12 de Fevereiro, com mais uma paróquia, cujo templo paroquial foi erguido na zona do Kibululu, bairro 11 de Novembro, extremo Leste daquela cidade capital do Kwanza Norte. Trata-se da Paroquia Nossa Senhora Rainha da Paz, que se desanexa da Paroquia Missão, São João Baptista, na Sé Catedral da diocese.

O território da nova paróquia compreende uma zona urbana composta pelos bairros Azul, Boavista, Praça de Catome, 28 de Agosto, Banga, 11 de Novembro, Ndalatando, Kibuangoma, São Filipe, bem como uma zona rural que abrange as aldeias situadas ao longo da estrada Ndalatando/Lucala.

Para primeiro pároco, foi nomeado o padre diocesano José Fernando Boaventura, que foi apresentado a comunidade no dia da ereção da paróquia.

Na sua homília de inauguração, o bispo da Diocese de Ndalatando, Dom Almeida Kanda, considerou ser um dia de muita alegria que marcará para sempre a vida dos fiéis da referida comunidade religiosa.

Disse que a nova paróquia representa um presente que interpela os fiéis a uma vontade forte de construir um futuro cada vez mais digno de cristãos livres e fortes na fé, promovendo em qualquer circunstância da vida a paz nas famílias e na sociedade, no geral.

 “Que façamos da não-violência um estilo de vida”, apelou Don Almeida Kanda, para quem o nome atribuído a igreja paroquial deve inspirar os cristãos que a frequentarem a concretizar o programa da paz.

Por seu turno, o pároco padre José Fernando Boaventura agradeceu a entrega de todos os fiéis para a concretização da referida obra.  .

Disse que a igreja foi construída graças e generosidade da comunidade que contribuíram materialmente e espiritualmente para este propósito, facto que cimenta o espírito de pertença dos membros da comunidade em relação a igreja.

Neste dia de festa, foi também recordado o grande mentor da referida comunidade religiosa, o catequista apenas identificado por Adão, já falecido, que em 1972, solicitou a construção de uma Capela no mesmo bairro.

Por sua vez, os fiéis mostraram-se satisfeitos com o surgimento da nova casa de adoração a Deus, considerando que oferece melhores condições de acomodação e conforto.

Escute: Repórter António Domingos – Ndalatando Nova Paróquia